21/10/2013

Sentado rindo de tudo



Acordar e perceber que eu ainda estou sem você.
Numa vida de perfeições.
Brincando de casinha, magoando pessoas, enquanto você sentado rir de tudo.
Porque fazes isso?
Aparece, fica, foge, some..
A vida esta me testando demais, quantos karmas ainda terei que pagar?
Sei que errei muito, tanta coisa fiz só pensando em mim, no meu prazer..
Quantas pessoas usei e deletei??
Nessa e na outra encarnação..
Lembro-me dos olhares inocentes, das juras, dos segredos, dos corações partidos.
Eu ria dos choros,sentia o poder, adorava ser o que era.
Mas o tempo passa, a vida vem em busca de justiça e a gente perde a sanidade.
Quando não temos mais quem recorrer. 
Quem buscar,
Quem confiar,
Quando as vozes me perseguem, quando os choros ficam em meus ouvidos,
Quando os olhares me olham..
Não adianta fugir, esconder..
Eles voltaram pra assombrar.
Eles querem me ver sofrer.
Por isso hoje não sei quem sou.
O que faço,
Ouvindo musicas de  outrora,não me recordo mais.
Mas como ainda  podes mexer comigo?
Uma simples mensagem, um telefonema, uma foto antiga.
Tao pouco pra desencadear tantas emoções.
Sabemos que não é amor.
É vingança o que sentimos.
É dor.
É desilusão.
E contra isso não há remédio.
Mesmo que após um destruir o outro..
Mesmo reencarnados..
Esse sentimento ira nos unir novamente.
Eles são bem mais poderosos que qualquer amorzinho de contos de fadas.
Nos vingaremos por não termos coragem de nos amar, de assumir o que sentimos, de fugir..
Anos passam e nos procuramos, brigamos e se perto estamos, nos amamos..
Doença, loucura, destino???
Quem pode dizer??

By Lilyth